sexta-feira, 15 de maio de 2015

63% dos municípios brasileiros tiram nota zero em transparência


Informação está na escala Brasil Transparente, metodologia criada pela Controladoria-Geral da União para avaliar o grau de cumprimento da Lei de Acesso à Informação.

Segundo a escala, os estados do Ceará e de São Paulo são os mais transparentes do país, ambos com nota dez. Rio Grande do Norte e Amapá tiraram nota zero.

CBN



Homem é capturado na Argentina



Victor Hugo Jaime, argentino procurado pela Polícia Federal, foi incluído na lista de foragidos da Interpol após ser condenado pelo homicídio de 39 pessoas e lesão de dezenas de passageiros em acidente na rodovia BR-470, em Santa Catarina.


O argentino conduzia um ônibus em que levava mais de 50 pessoas para Balneário Camboriú. Ele trafegava a 80km/h em um trecho da rodovia que permitia velocidade máxima de 40km/h, quando tombou, acertando outro ônibus que vinha na via contrária.

A prisão foi feita na cidade de San Miguel de Tucumán, na Argentina, depois de mais de 12 anos foragido da polícia brasileira. Aguarda-se a decisão da justiça para a extradição do argentino ao Brasil.

Acompanhe nosso Twitter: https://twitter.com/agenciapf


Departamento de Polícia Federal - MJ

Paraíba testa produção de algodão herbáceo orgânico no Sertão




Uma experiência de produção de algodão herbáceo orgânico está sendo desenvolvida pelo Governo do Estado, por meio da Gestão Unificada Emater/Emepa/Interpa, que presta assistência técnica aos cotonicultores do município de Jericó, na região de Catolé do Rocha, que estão participando do Projeto Brasil Próximo, fruto do Convênio Brasil/Itália.

As orientações estão sendo ministradas pelo gerente local da Emater-PB, Jailson Custódio da Anunciação, e pelo assessor regional José Geraldo Rodrigues dos Santos, que visitam semanalmente as áreas plantadas. Os campos de algodoeiros herbáceos orgânicos, que perfazem um total de 14,3 hectares, pertencem aos produtores Josafá Francisco da Silva (1,0 ha), Edílson Anterino (3,8 ha), Francisco das Chagas Sousa (5,5 ha), Francisco Vidal de Negreiros (1,0 ha), José Severino da Silva (2,0 ha) e Benedito Francisco da Silva (1,0 ha), estando localizados nas comunidades Várzea da Porta, Varzinha, Umburana, Recanto II, Várzea dos Cavalos e Fortuna.

Os algodoeiros herbáceos implantados no município são da variedade BRS187 8H, tendo sido plantados no espaçamento de 1,0 metro entre fileiras e 0,5 metro entre covas, com duas a três plantas por cova, estando em fases vegetativas diferentes, cultivados em regime de sequeiro, com exceção de uma das áreas. O manejo das referidas áreas está sendo feito de forma orgânica, enfatizando o uso de estercos de animais na fertilização do solo e de defensivos naturais para o combate de pragas.

Técnica aplicada - Os defensivos naturais estão sendo aplicados de forma preventiva, em intervalos de sete dias, sendo preparados à base de sabão, fumo e querosene, tendo combatido eficientemente a incidência de lagartas e mosca branca. O preparo da calda fertilizante é feito pelos agricultores participantes do projeto, com orientação dos técnicos envolvidos. Na área de algodoeiro herbáceo irrigada, as plantas se encontram com um porte avantajado, tendo havido a formação de botões florais e maças em abundância, havendo a perspectiva de uma produtividade acima da expectativa que é de 3.500 kg por hectare.

Devido à escassez de chuvas e irregularidade climática no município, o crescimento vegetativo e a produção dos algodoeiros herbáceos de sequeiro implantados estão prejudicados, uma vez que a precipitação pluviométrica, até a presente data, foi de 304,7 mm, distribuída de forma irregular, tendo havido maior concentração de chuvas no mês de março (125,3 mm) e menores nos meses de abril (71,2 mm) e maio (1,0 mm).

No trabalho de assessoramento que tem o acompanhamento do coordenador regional da Emater em Catolé do Rocha, Francisco Veras Diniz, os técnicos aproveitam para repassar as experiências aos agricultores, como aconteceu na comunidade Várzea da Porta, na propriedade Josafá Francisco da Silva, em Jericó, onde foi feita a preparação natural à base de sabão, fumo e querosene, assim como ocorre nas demais plantações.

O trabalho de cultivo tem parceria com a Unisole Coopnatural de Campina Grande. O Brasil Próximo tem como objetivo implementar projetos piloto de desenvolvimento local em estados e municípios que integram o acordo de cooperação Brasil-Itália pelo sistema de cooperação descentralizada, do qual a Paraíba participa.

CLICK PB

Lançado manifesto em defesa da Zona Franca do Semiárido

Lançado manifesto em defesa da Zona Franca do Semiárido
Acompanhando lideranças políticas da Paraíba e de outros seis estados do Nordeste, o deputado estadual José Aldemir (PEN) participou na manhã desta sexta-feira (15), no auditório da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras, no município de Cajazeiras, do lançamento do manifesto em defesa da Proposta de Emenda Constitucional (PEC), que cria a Zona Franca do Semiárido Nordestino, tendo Cajazeiras como a base da Zona Franca em função da sua localização privilegiada no contexto do Semiárido. O projeto, que visa alavancar a economia da região, é de autoria do deputado federal Wilson Filho (PTB).


José Aldemir destaca que a criação da Zona Franca irá suprir uma demanda de crescimento econômico e social que há muito tempo o Nordeste brasileiro reivindica junto Poder Público. “Isso é o que poderíamos chamar de interiorização do desenvolvimento, refletindo na melhoria da qualidade de vida da população através do aumento da geração de emprego e renda de forma sustentável”, disse o parlamentar em seu pronunciamento.


José Aldemir destacou ainda que não é suficiente apenas a aprovação da PEC 19 nos moldes propostos, que esta se trata tão somente da primeira etapa. “Sabemos do papel dos governos estadual e, principalmente, federal na concretização deste projeto, da importância para direcionar recursos para as obras estruturantes mínimas necessárias, recursos para pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica, formação e aperfeiçoamento de pessoal, com prioridade para os jovens que terão papel decisivo no âmbito do projeto, combinado com a concessão de benefícios fiscais por prazo fixo, com redução paulatina a cada ano, paralelamente à conquista de competitividade das empresas instaladas na Zona Franca, tudo como principal estimulo à vinda das novas empresas e indústrias”, disse.


Ainda durante seu pronunciamento o deputado afirmou total apoio e disponibilidade de contribuir com a implantação da Zona Franca e convocou toda a sociedade paraibana, sobretudo sertaneja, para entrar na “luta””. “Ratifico meu apoio irrestrito à aprovação da PEC e conclamo toda a sociedade a empunhar esta bandeira redentora”, disse. “Vamos escrever uma nova história sobre Cajazeiras, o Alto Sertão paraibano e o Semiárido Nordestino”, concluiu Aldemir.


Além da Paraíba, a Zona Franca irá beneficiar ainda os estados do Rio Grande do Norte, Piauí, Ceará, Bahia e Pernambuco. Ao todo, a Proposta beneficia 323 municípios dos seis estados nordestinos.


O projeto reapresentado em 2011 pelo deputado federal Wilson Filho (PTB), já havia sido apresentado pelo então deputado Wilson Santiago (PTB) em 2003, mas não havia sido apreciado no Congresso.

PBAgora com  Assessoria de Imprensa

Maior São João do Mundo vai atrair 1 milhão de forrozeiros

 Maior São João do Mundo vai atrair 1 milhão de forrozeiros
São João é tempo de Campina Grande atrair turistas, desfrutar de ampla divulgação nacional, gerar mais empregos e renda. Como se vivesse um “segundo Natal”, o que é típico de pouquíssimas cidades do país, a “Rainha da Borborema” conquista a elevação das suas receitas pela presença de milhares de visitantes oriundos de todas as partes do Brasil e até do exterior. Só na área do Parque do Povo cerca de um milhão de forrozeiros deverão prestigiar a programação da festa durante os seus trinta dias de realização, mantendo-se uma tradição de mais de três décadas. Em ritmo de forró, a cidade presencia, a cada ano, a lotação da rede hoteleira, ocupação das hospedagens alternativas, bares e restaurantes, além do incremento de todas as suas atividades comerciais e demais setores da sua economia. Todos – do mais humilde ambulante ao mais próspero dono de restaurante – ganham com o evento, considerado o mais importante do interior do país, gerando-se, durante a sua realização, um inegável impacto financeiro em favor da economia campinense, o qual, em 2015, já pode ser estimado em mais de R$ 160 milhões, enquanto os gastos para a montagem da estrutura giram em torno de R$ 10 milhões. A estimativa, levantada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Sede), tem como base o que foi faturado, em média, nos últimos anos, por parte do comércio local, setor de serviços, barraqueiros instalados no Parque do Povo, agentes turísticos, artesãos, setor de transportes e muitos outros segmentos envolvidos com a realização da festa. Por tudo isso, mais uma vez, a expectativa é de que o faturamento dos barraqueiros, quiosques, ambulantes e artesãos no Parque do Povo, durante os trinta dias de festa, supere, em 2015, a marca dos anos anteriores, apesar do quadro de crise econômica que assola todas as regiões brasileiras nos últimos meses. Em Campina, contudo, as dificuldades motivam ainda mais autoridades e empresários, pois todos compreendem a necessidade de investimentos e de muito trabalho para superar as momentâneas dificuldades econômicas. Conforme levantamentos dos técnicos do setor de Desenvolvimento Econômico do município, a arrecadação mais uma vez será propiciada, em grande parte, pelos turistas, os quais poderão deixar na cidade uma receita estimada em mais de R$ 50 milhões. Só os gastos dos turistas nos hotéis, motéis, pousadas e casas alugadas durante o período do São João deverão superar a marca dos R$ 16 milhões, o que, por si só, comprova a consolidação do evento no calendário turístico nacional. Os gastos dos visitantes envolvem muitos outros itens, a exemplo de alimentação, gerando-se uma receita para os campinenses da ordem de R$ 5 milhões, conforme as projeções para o setor. Dispostos a curtir todas as emoções da festa, eles também deverão gastar com eventos programados para o período do São João mais de R$ 3 milhões. Para os seus deslocamentos (seja com ônibus, moto-táxi, carro próprio e táxi) os gastos dos que visitam Campina Grande, em junho, vão ser acima dos R$ 4 milhões, levantando-se em conta os números do setor nos últimos anos. A festa, contudo, não é apenas destinada aos turistas, mas, igualmente, para todos os forrozeiros de Campina Grande e cidades polarizadas pela “capital do trabalho e do forró”, os quais, também investem alto para o sucesso das comemorações juninas. Estima-se em mais de R$ 50 milhões os gastos do público local com o Maior São João do Mundo, especialmente no acompanhamento da vasta programação a ser desenvolvida no Parque do Povo, o tradicional centro da festa, para muitos consagrado como “quartel general do forró”. Vale ressaltar que a receita total a ser gerada no comércio local pela própria população da cidade é estimada em mais de R$ 60 milhões, pois os campinenses investem na confecção de indumentárias típicas dos festejos juninos, organização de quadrilhas, alimentação, decoração, adereços e outros produtos próprios a serem adquiridos por quem quer sempre causar uma boa impressão aos visitantes, firmando, cada vez mais, as suas mais importantes e significativas tradições culturais. Distritos tem grande faturamento – O São João campinense não se limita ao Parque do Povo. Uma dinâmica programação também é realizada nas áreas distritais, a exemplos de comunidades como Galante e São José da Mata. Como nos anos anteriores, a zona rural encara com boa expectativa a festa de 2015, mesmo porque o governo municipal tem investido na melhoria das vias de acesso, infraestrutura e outras obras destinadas a estimular o fluxo turístico e a descentralização da festa. Por isso, só para o Distrito de Galante a estimativa de faturamento dos comerciantes de Galantes durante o São João deste ano será superior a R$ 1 milhão, o que vai gerar renda para barraqueiros, quiosques e ambulantes.




PBAgora com Assessoria

Sargento da PM é flagrado com mais de 1200 arribaçãs abatidas

Sargento da PM é flagrado com mais de 1200 arribaçãs abatidas
Um sargento da Polícia Militar da Paraíba foi flagrado por agentes da Polícia Rodoviária Federal transportando mais de 1260 unidades de arribaçãs mortas, além de 17 tatu-pebas e ainda uma ave silvestre, que estava viva.

O flagrante foi feito no município de Patos, Sertão da Paraíba, após uma denúncia anônima informando sobre o transporte ilegal do produto.

A PRF parou o taxi em que o sargento estava e confirmou a denúncia. Após indagar de onde vinha o produto, o sargento levou os agentes da PRF até sua casa e lá foram encontrados mais produtos ilegais.

Agora o sargento terá que pagar uma multa de mais de meio milhão de reais além de responder judicialmente por crime ambiental.

O sargento da PM, a mulher dele e o taxista foram levados para a Delegacia Civil de Patos, autuados e multados. Eles assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foram liberados.

O produto apreendido será incinerado  

PBAgora

Partidos devem promover mudanças em busca de sobrevivência política

Partidos devem promover mudanças em busca de sobrevivência política
A iminência de uma reforma política deve mexer na direção de alguns partidos, principalmente em João Pessoa, Capital da Paraíba, para as eleições municipais de 2016. È que as siglas têm até setembro deste ano para atender a legislação eleitoral, tornando seus candidatos aptos para o próximo pleito.

Uma das legendas que corre o risco de sofrer mudanças na Capital é o DEM, que em Joao Pessoa é comandada pelo vereador Bosquinho. O parlamentar integra a base que dá sustentação ao Governo Luciano Cartaxo (PT) na prefeitura de João Pessoa, mas a executiva estadual do partido já avisou que não tem pretensão de apoiar o PT nas eleições do ano que vem.

Outro partido que pode sofrer uma troca no comando na Capital é o PT do B, que na última eleição elegeu dois vereadores, sofreu dissidências, mas agora articula uma chapa competitiva, principalmente pela possibilidade de o voto se tornar distrital.

O PP, comandado pelo presidente da Câmara, Durval Ferreira, também pode mudar de direção, já que o parlamentar pode sair da legenda e se filiar ao PSB para disputar a reeleição em uma legenda com mais facilidade de vitória.

O PDT, que tem a frente o deputado federal Damião Feliciano também deve ser atingido com os novos arranjos partidários. A legenda está fortalecida no âmbito estadual, mas na Capital tem o vereador Raoni Mendes (PDT) como dissidente, que ameaça trocar de legenda.

O PEN, que não tem nenhuma representação na Câmara Municipal, passa por processo de reestruturação e também deve “mexer os pauzinhos” para garantir uma cadeira no legislativo da Capital.

Já o PMDB, atualmente, passa por um impasse sobre quem comandará o partido na Capital nas eleições do ano que vem. Os deputados Manoel Júnior e Gervásio Maia estão disputando o comando da sigla e cogitam lançar candidatura própria na Capital.

O PTB, do ex-senador Wilson Santiago, também já admitiu a possibilidade de lançar candidatura própria contra o prefeito Luciano Cartaxo em 2016. A legenda, no entanto, tem dois aliados na gestão Cartaxo, são eles: o vereador Pedro Coutinho e auxiliar Diego Tavares, e pode sofrer baixas caso coloque em prática os planos de uma candidatura própria na Capital.

Em sentido oposto o PSB, o PT e o PSDB e seguem uma linha tranquila, com seus dirigentes locais trabalhando em sintonia com seus aliados para ampliar suas bases nas eleições de 2016. As três legendas, inclusive, foram as que obtiveram mais votos na disputa pela prefeitura da Capital em 2012

Resta agora saber se os partidos conseguirão, até setembro, filiar todos os quadros necessários para obter êxito no pleito do ano que vem.


Com informações de Henrique Lima

PB Agora

quarta-feira, 13 de maio de 2015

Encontrada a cura do câncer? Semente de planta da Austrália consegue destruir tumores em humanos e animais

Cientistas australianos estão animados após encontrarem uma semente de uma planta tropical que teria potencial de curar o câncer.
Os testes inicias com a planta chamada Blushwood encontrou 70% de eficácia. Uma droga experimental a partir de suas sementes mostrou-se poderosa no tratamento de câncer em animais.
Os pesquisadores do QIMR Berghofer Medical Reserach Institute conseguiram isolar a droga EBC-46, transformando-a em uma injeção. A substância leva a rápida decomposição de uma grande série de tumores humanos.
A pesquisa, considerada importantíssima, foi publicada na revista PLoS One, liderada pelo Dr. Glen Boyle. Segundo ele, a droga pode ser eficaz em pacientes humanos e não apenas em animais.
Nós fomos capazes de obter resultados muito fortes através da injeção de EBC-46 diretamente em modelos de melanoma (câncer de pele), assim como cânceres de cabeça, pescoço e colo”, comentou Dr. Boyle. Na maioria dos casos, o tratamento com uma única injeção causou a perda da viabilidade de células cancerosas em apenas 4 horas, destruindo os tumores em seguida.
Dr. Boyle ainda afirmou que a EBC-46 funciona, em parte, por desencadear uma resposta celular efetiva, cortando o fornecimento de sangue ao tumor. “Em mais de 70% dos casos pré-clínicos, a resposta de cura foi grande, com pouca reincidência durante um período de 12 meses”.
EBC-46 é um composto extraído do fruto da árvore de Blushwood, encontrado nas florestas úmidas ao norte de Queensland, na Austrália. A droga está sendo desenvolvida e testada como um produto farmacêutico para humanos e uso veterinário através da empresa QBiotics, subsidiária da EcoBiotics.
A droga experimental já está sendo aplicada em animais com tumores – incluindo cães, gatos e cavalos.
A QBiotics está, atualmente, realizando ensaios clínicos veterinários com todos os protocolos necessários na Austrália e nos Estados Unidos.
A aprovação regulatória final para ensaios clínicos de Fase 1 em humanos está em análise. O Dr. Boyle diz que a empresa está determinada em investigar ainda mais para aumentar a eficácia da droga.

JORNAL CIENCIA

Professores da UFPB aprovam indicativo de greve

Professores da UFPB aprovam indicativo de greve
Em assembleias realizadas na última terça-feira (12) e na tarde desta quarta-feira (13), os professores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) aprovaram o indicativo de greve. Segundo a Associação dos Docentes da UFPB (Adufpb), caso o Governo não atenda a propostas apresentada a greve pode ser declarada.

A data de início da paralisação ainda não foi definida, mas, ainda de acordo com a Adufpb, uma nova assembléia será realizada no dia 27 de maio, quando os professores devem avaliar as negociações.

Os professorem reivindicam reajuste de 27,3%, conforme acumulado do déficit da inflação. A proposta ainda conta com 3% de aumento real.



PB Agora

Mais um homicídio é registrado em Campina Grande

 Mais um homicídio é registrado em Campina Grande
Mais um homicídio foi registrado na tarde desta quarta-feira, 13, em Campina Grande. Dessa vez, o crime aconteceu no bairro das Malvinas, na rua das Umburanas.

Segundo informações preliminares, um rapaz teve o celular roubado e após rastrear o aparelho e sair para buscá-lo foi morto pelos assaltantes com um tiro na cabeça.

As informações foram divulgadas na Rede Correio Sat

PBAgora

TCE rejeita contas de Queimadas

TCE rejeita contas de Queimadas
Em sessão ordinária na manhã desta quarta-feira (13), sob a presidência do conselheiro Arthur Cunha Lima, o Pleno do Tribunal de Contas do Estado emitiu parecer contrário às contas da Prefeitura de Queimadas, exercício de 2012, na gestão do ex-prefeito José Carlos de Sousa Rego, imputando-lhe uma multa no valor de R$ 4 mil. Entre as irregularidades destacaram-se o elevado número de contratações temporárias e o não recolhimento de contribuições previdenciárias dos servidores no montante de R$ 1.261.735,00. Da decisão ainda cabe recurso.


Na mesma decisão, acompanhando o relator do processo, conselheiro substituto, Antônio Cláudio Silva Santos, o Pleno ainda responsabilizou o ex-gestor do Fundo Municipal Empreende, Benildo da Silva Pereira, pelo montante de R$ 43.097,17, em decorrência de empréstimos indevidos concedidos a micro-empresas, inclusive a ele próprio. Decidiu ainda pelo encaminhamento de representação ao Ministério Público para as providências cabíveis.


Durante a sessão a Corte também conheceu o recurso impetrado pelo ex-prefeito de São João do Tigre, Eduardo Jorge Lima, contra a desaprovação de suas contas do exercício de 2012, e modificou a decisão para emitir parecer favorável à prestação de contas, reduzindo a multa aplicada para R$ 2 mil.


O TCE considerou regulares as contas anuais das câmaras municipais de Santo André (exercício de 2012), Manaíra (2013), São José de Princesa (2013) e Montadas, de 2011, esta última depois de conhecer recurso de reconsideração. O colegiado decidiu pelo não provimento de recursos interpostos pelos ex-prefeitos de Pitimbu (José Rômulo Carneiro), e de Itabaiana (Eurídice Moreira da Silva). Foram aprovadas as contas da Companhia Docas da Paraíba (2012); Emepa (2012); Empasa (2012), esta com ressalvas, e Instituto de Metrologia e Qualidade Industrial da Paraíba (2013).


Os processos constantes da pauta de julgamentos representaram movimentação de recursos da ordem de R$ 219.363.558,45. Conduzida pelo presidente Arthur Cunha Lima, a sessão plenária teve as participações dos conselheiros Arnóbio Alves Viana, Nominando Diniz, Fernando Rodrigues Catão, Fábio Túlio Nogueira e André Carlo Torres Pontes. Também, dos substitutos de conselheiro, Antonio Gomes Vieira Filho, Antonio Cláudio Silva Santos, Marcos Antonio Costa, Oscar Mamede Santiago e Renato Sérgio Santiago Melo. O Ministério Público de Contas esteve representado pela procuradora geral Elvira Samara Pereira de Oliveira.




TCE/PB

VIOLÊNCIA: Ônibus é incendiado no bairro do Pedregal em Campina Grande

VIOLÊNCIA: ônibus é incendiado no bairro do Pedregal em Campina Grande
 Dois assassinatos e uma rebelião no presídio Regional do Serrotão; um professor morto em plena sala de aula enquanto corria provas; e um ônibus incendiado.

Em menos de 72h a violência explodiu em Campina Grande, e tomou proporções alarmantes. Na tarde desta quarta-feira (13), um ônibus da empresa Cabral foi incendiado, no bairro do Pedregal, próximo ao Estádio O Renatão, em Campina Grande. O bairro é um dos mais violentos cidade. A cena do ônibus em chamas, chamou a atenção da polícia.

De acordo com o Centro Integrado de Operações Policiais de Campina Grande (CIOP-CG), a informação preliminar é que houve um assalto no local e os bandidos jogaram gasolina no ônibus e atearam fogo. Várias viaturas da PM se deslocaram para o Pedregal e Bela Vista, onde os suspeitos estariam escondidos. Até o momento ninguém foi preso. A Susperintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP), ennviou uma equipe para o local.

Horas antes, um homem foi assassinado na cidade, desta vez no bairro das Malvinas, na rua das Umburanas. Segundo informações preliminares, um rapaz teve o celular roubado e após rastrear o aparelho e sair para buscá-lo foi morto pelo assaltante com um tiro na cabeça.

O suspeito do crime, um adolescente que foi apreendido pela polícia e conduzido até a delegacia.

PBAgora

TCE determina bloqueio das contas de Desterro e Juazeirinho por atraso no envio de balancetes

Atrasos na entrega dos balancetes mensais levaram o Tribunal de Contas do Estado, a determinar o bloqueio das contas bancárias das Prefeituras Municipais de Desterro, referente ao mês de março, e Juazeirinho, relativos aos meses de janeiro e fevereiro. O anúncio foi feito pelo presidente da Corte, conselheiro Arthur Cunha Lima, durante a sessão ordinária desta quarta-feira (13). Na oportunidade, o presidente informou o desbloqueio das contas da prefeitura de Arara, tendo em vista que o órgão sanou a motivação do bloqueio.


Em ofício às Superintendências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, estabelecimentos onde as duas administrações municipais possuem contas, o presidente do TCE, conselheiro Arthur Cunha Lima, esclarece que o bloqueio implica total impossibilidade de movimentação do dinheiro, seja por meio de cheque, ou de qualquer outro documento hábil.


Todavia, é permitida a ambas as Prefeituras a realização de depósitos ou transferências para aplicação financeira que preserve o poder aquisitivo dos recursos, informa ele.




PBAgora

terça-feira, 12 de maio de 2015

Romena morre eletrocutada ao tentar selfie no topo de estação de trem

Romena morre eletrocutada ao tentar selfie no topo de estação de trem
 Uma romena fã de selfies morreu após ser eletrocutada ao tentar tirar um autorretrato no alto de uma estação de trem na cidade de Iasi, no nordeste da Romênia, segundo reportagem do jornal “Mirror” desta terça-feira (12).

Anna Ursu, de 18 anos, tinha a intenção de tirar uma selfie para postá-la no Facebook. As fotos publicadas em seu perfil na rede social não dão a entender que a adolescente se colocava em situações de risco.

Assim que ela deitou no topo de uma estação de trem, ela levantou uma perna e a deixou livre no ar. Ela, porém, encostou em um fio de energia elétrica e, segundo o jornal, recebeu uma descarga de 27 mil volts. A jovem teve metade do corpo queimado.

Anna estava acompanhada de uma amiga de 17 anos que foi arremessada com a força da explosão.

Um homem que passava pelo local no momento do acidente escalou até o topo da cobertura da estação para resgatar as duas garotas. Depois de retirá-las, ele chamou o serviço de emergência.

O sujeito já havia observado as jovens e as avisado para abaixar cabeças e pernas. Aparentemente, seus conselhos não foram seguidos, já que quando voltou a prestar atenção nelas, Anna já estava sendo consumida por chamas.

As duas garotas foram transportadas imediatamente para o hospital. Anna, muito ferida, não resistiu e morreu. Um porta-voz do hospital disse que as jovens se colocaram em grande risco, já que, ainda que Anna não tivesse tocado o fio, ela teria entrado em contato com o campo elétrico, o que seria igualmente mortal. A adolescente sobrevivente afirmou que elas desconsideraram o risco. A intenção era registrar uma “selfie definiti
G1

Detento é morto e tem cabeça e braço decepados no Serrotão em CG

Detento é morto e tem cabeça e braço decepados no Serrotão em CG
 O detento Henrique Bezerra Leão, de 27 anos, foi assassinado e teve a cabeça e o braço direito decepados durante uma briga na Penitenciária Regional de Campina Grande Raimundo Asfora, o Serrotão. O crime aconteceu na madrugada desta terça-feira (12).

De acordo com o diretor do presídio, Delmiro Nóbrega, o assassinato teria acontecido no pavilhão 6 e o corpo foi arrastado pelos presos para fora da cela quando os portões foram abertos para o banho de sol.

O diretor também afirmou que o presidiário que cometeu o crime se apresentou e disse explicou que cometeu o homicídio para vingar a morte do irmão que teria sido morto por Henrique em 2007. Porém, será feita uma investigação, o homicídio para saber se há participação de outros detentos. O responsável pelo crime foi autuado em flagrante e vai ficar à disposição da Polícia Civil.

O corpo do apenado morto foi deixado em local da unidade prisional e a cabeça entregue por um grupo de detentos aos agentes penitenciários que estavam no pavilhão 3.

De acordo com informações, Henrique seria um dos homens mais perigosos no bairro Mutirão, em Campina Grande, e responsáveis por uma série de crime na localidade. Entretanto, a direção não confirmou a informação, porém revelou que há informação de que Henrique teria participado da morte de um sargento da PM, mas ainda está sendo investigado.
PBAgora